Marcelo rejeita que o "chumbo" ao levantamento do sigilo bancário em contas acima de 50 mil euros "belisque" as relações com o Governo. E justifica a decisão dizendo que a medida ""não dava um sinal positivo para a economia e as finanças".

Enquanto Dormia, a nova newsletter da manhã, por David Dinis. Subscreva

Já subscreveu uma newsletter com o email introduzido.
Obrigado por subscrever a newsletter.

Planisférico