Isabel II há 70 anos: uma cronologia da rainha britânica

A rainha Isabel II é, por estes dias, o centro das atenções no Reino Unido, nos outros 14 países em que detém a coroa, como Austrália, Canadá e Nova Zelândia, e também no resto do mundo, fruto da curiosidade que a família real britânica desperta. Uma cronologia de vida da monarca que celebra o Jubileu de Platina.

Foto
Isabel II foi coroada há 69 anos, mas é rainha há 70 Reuters/POOL

21 de Abril de 1926
Isabel nasceu no número 17 da Bruton St, em Londres. Filha do príncipe Alberto, duque de Iorque, e de Isabel Bowes-Lyon, teve uma infância descomplicada, já que, apesar de ser a terceira na linha de sucessão ao trono, esperava-se que o tio subisse ao trono, casasse e tivesse filhos. A família trata-a por Lilibet.

Foto
Lilibet, em 1929 Marcus Adams/The Print Collector via Getty Images

11 de Dezembro de 1936
Lilibet passa a ser herdeira presuntiva, após a abdicação de Eduardo VIII e a ascensão do pai ao trono como Jorge VI. Isso significava que se os pais tivessem um filho, este passaria a ser o herdeiro do trono, à sua frente e da irmã, a princesa Margarida.

Foto
Lilibet e a irmã, a princesa Margarida, em 1941 DR

Fevereiro de 1945
Isabel juntou-se ao Serviço Territorial Auxiliar como segunda subalterna honorária com número de serviço 230.873. A princesa treinou como motorista e mecânica, sendo promovida a comandante júnior honorária em Julho desse ano.

20 de Novembro de 1947
A princesa Isabel casa-se com o tenente da Marinha Filipe Mountbatten, descendente das casas reais dinamarquesa e grega, na Abadia de Westminster, em Londres. Tiveram quatro filhos: Carlos (nascido em 1948), Ana, (1950), André (1960) e Eduardo (1964).

Fevereiro de 1952
A princesa Isabel e o marido, o príncipe Filipe, partem numa viagem por África e pela Ásia, em substituição do seu enfermo pai, o rei Jorge VI. A notícia da morte do rei chega-lhe no Quénia, no dia 6, o que significa que ela é a primeira soberana em mais de 200 anos a aceder ao trono enquanto estava no estrangeiro.

Foto
Uma fotografia do casamento entre Isabel II e o duque de Edimburgo, em 1947 DR/HRF

2 de Junho de 1953
Isabel é coroada na Abadia de Westminster e a cerimónia é transmitida pela televisão. Decide manter o nome: Isabel, tal como a quinta e última monarca da Casa de Tudor (1533-1603). Passa, assim, a assinar como Isabel II.

24 de Novembro de 1953
A primeira viagem da rainha pelos territórios da Commonwealth. No total, foram percorridos mais de 70 mil quilómetros.

1970
Durante uma visita à Nova Zelândia, a rainha introduz a caminhada, uma táctica de encontro com o povo para visitas reais.

1977
A rainha marca o seu Jubileu de Prata (25 anos como monarca) com uma digressão pelos países da Commonwealth e celebrações faustosas na Grã-Bretanha.

1981
O príncipe Carlos casa com Diana Spencer numa aparatosa cerimónia, seguida por milhões em todo o mundo.

Foto
O casamento de Carlos e Diana REUTERS (Arquivo)

1982
O primeiro filho de Carlos e Diana, o príncipe William, nasce a 21 de Junho (dois anos depois, a 15 de Setembro, nasceria o príncipe Harry).

1986
O príncipe André casa-se com a executiva editorial Sarah Ferguson, conhecida como Fergie. O casal torna-se o duque e a duquesa de Iorque.

1991
A rainha visita os Estados Unidos e torna-se a primeira monarca a dirigir-se ao Congresso.

Foto
REUTERS/Royal Mail

1992
O seu 40.º ano no trono, a que ela chama “annus horribilis” (ano horrível), é marcado por perturbações conjugais dos filhos e alguma oposição do público.

- André e Sarah separam-se. Ana divorcia-se de Mark Phillips

- Em Novembro, o Castelo de Windsor é gravemente danificado por um incêndio. A rainha concorda em pagar imposto sobre o rendimento

- Em Dezembro, Carlos e Diana anunciam a separação

Foto
O casal Isabel e Filipe em 2003 DR/Condessa de WESSEX

Março de 1995
A rainha faz o primeiro discurso de um monarca britânico no Parlamento sul-africano desde 1947.

1996
Carlos e Diana divorciam-se em Agosto. Antes, em Dezembro do ano anterior, o Palácio de Buckingham confirmara que a rainha tinha escrito ao casal, pedindo para que desse esse passo.

31 de Agosto de 1997
A 31 de Agosto, Diana e o seu milionário namorado Dodi al-Fayed morrem quando o carro em que seguiam se despista enquanto estava a ser perseguido por fotógrafos em motocicletas em Paris. A rainha é criticada pela sua resposta reservada inicial, o que a obriga a fazer uma rara declaração televisiva: “O que vos digo agora, como vossa rainha e como avó, digo do meu coração... Ninguém que tivesse conhecido Diana jamais a esquecerá.”

20 de Novembro de 1997
Uma vasta multidão sai à rua para saudar a rainha e o príncipe Filipe pelos 50 anos de casamento. Num discurso invulgarmente franco, a rainha reconhece que as monarquias sobrevivem apenas através do apoio do público.

2002
Um outro annus horribilis, ao mesmo tempo que a rainha celebra 50 anos no trono.

Foto
Isabel II e o então primeiro-ministro britânico Tony Blair, por altura do Jubileu de Ouro REUTERS/REDAN CHUNG (Arquivo)

- A 9 de Fevereiro, morre a irmã de Isabel II, a princesa Margarida, aos 71 anos

Foto
Isabel Bowes-Lyon REUTERS/Ian Waldie (Arquivo)

- A 30 de Março, é anunciada a morte da rainha-mãe, aos 101 anos

2005
O filho e herdeiro príncipe Carlos casa-se com Camilla Parker Bowles numa cerimónia civil em Windsor.

Foto
Os príncipes William e Harry, filhos do príncipe Carlos, após a cerimónia de casamento civil do seu pai com Camilla Parker Bowles REUTERS/Stephen Hird (Arquivo)

29 de Abril de 2011
A rainha assiste ao casamento do seu neto príncipe William e Kate Middleton, que se estima ter sido seguido por mais de dois mil milhões de pessoas em todo o mundo.

Maio de 2011
A rainha faz uma visita de Estado de quatro dias à Irlanda, a primeira realizada por um monarca britânico desde que a Irlanda ganhou a sua independência em 1921.

2012
O Jubileu de Diamante, para assinalar os 60 anos de Isabel II no trono, inclui quatro dias de celebrações em Junho, assim como uma digressão nacional. Um milhão de pessoas reúnem-se para um desfile no rio Tamisa, e mais milhões vão a festas de rua.

22 de Julho de 2013
Nasce o priogénito de William e Kate, o princípe George — pela primeira vez na História, há herdeiros vivos de três gerações: Carlos, William e George. O casal teve ainda uma filha, a princesa Charlotte (2015), e outro filho, o príncipe Louis (2018).

23 de Junho de 2014
A rainha embarca naquela que foi a sua última visita de Estado ao estrangeiro, no caso à Alemanha.

9 de Setembro de 2015
Isabel II torna-se a monarca britânica com o reinado mais longo de sempre, superando a sua trisavó, rainha Vitória.

21 de Abril de 2016
Isabel celebra o seu 90.º aniversário. É a primeira vez na história que o Reino Unido tem um monarca com essa idade.

2 de Agosto de 2017
O marido Filipe retira-se da vida pública após 65 anos de dedicação aos deveres reais.

20 de Novembro de 2017
O 70.º aniversário de casamento é celebrado com uma festa privada no Castelo de Windsor.

19 de Maio de 2018
O príncipe Harry, sexto na linha de sucessão, casa com Meghan Markle, uma actriz norte-americana divorciada de Los Angeles, numa cerimónia que reuniu várias estrelas no Castelo de Windsor.

Foto
O casamento de Harry e Meghan REUTERS/Damir Sagolj (Arquivo)

2019
Uma série de eventos ameaça a imagem da família real.

- Em Outubro de 2019, uma disputa entre William e Harry torna-se pública, com o príncipe mais novo a confirmar os rumores de uma clivagem entre os dois.

- A 15 de Novembro, o príncipe André dá uma entrevista desastrosa à BBC TV numa tentativa de se demarcar do escândalo sexual que envolvia Jeffrey Epstein. Dias depois é forçado a renunciar aos seus deveres reais por causa das suas ligações com financeiro, encontrado morto na prisão em Agosto desse mesmo ano.

2020
Logo em Janeiro, o anúncio de Harry e Meghan de abandonarem os deveres reais e passarem a morar longe constituiu um duro golpe para a monarca. O casal, que pretendia manter-se no núcleo duro da família, mas com menos deveres, acaba por perder os títulos e muda-se para Los Angeles, depois de uma tentativa de se instalar no Canadá. A avalanche causada pela decisão do segundo filho de Carlos acabou por ser relegada para segundo plano depois da declaração da pandemia de covid-19. A 5 de Abril, a rainha falou à nação sobre o efeito da doença nas vidas de todos.

2021
Um ano de perdas e de escândalos.

- Harry e Meghan cedem uma entrevista a Oprah Winfrey, transmitida a 7 de Março, na qual denunciam racismo na família real britânica, assim como uma negligência em relação aos assuntos de saúde mental.

- Depois de um período no hospital, o príncipe Filipe morre a 9 de Abril, aos 99 anos. As cerimónias fúnebres são marcadas pelo isolamento determinado pela pandemia de covid-19.

Foto
Isabel II no funeral do príncipe Filipe Reuters/POOL (Arquivo)

- Em Outubro, a rainha passa uma noite no hospital pela primeira vez em muitos anos; o motivo não chegou a ser clarificado, mas soube-se que os médicos aconselharam descanso.

- A 30 de Novembro, Barbados renasceu como república; Isabel II passa a ser rainha de 15 reinos.

2022
Ano de Jubileu de Platina, com muitos festejos e chatices.

- O Palácio de Buckingham diz que o príncipe André perdeu as suas patentes militares e patronatos reais e já não será conhecido como “sua alteza real”. André foi acusado de abuso sexual de menor por Virginia Giuffre, uma das vítimas de Epstein

- A 6 de Fevereiro, Isabel II comemorou 70 anos como rainha e aproveita a efeméride para dar a sua bênção ao filho Carlos e à mulher deste, Camila, anunciando o desejo de um dia o Reino Unido acolher a segunda mulher do filho como rainha consorte.

- O príncipe André paga uma quantia não revelada para resolver o processo judicial nos EUA, mas não admite qualquer infracção.

- A rainha contrai covid-19 e é avançado que exibe sintomas similares a uma constipação. Algum tempo depois, a monarca viria a falar sobre o extremo cansaço sentido.

Sugerir correcção
Ler 10 comentários