The Best Chef: Sá Pessoa junta-se a Ricardo Costa e Avillez na lista de nomeados

O chef do restaurante Alma, duas estrelas Michelin, é o terceiro português na lista de candidatos aos The Best Chef Awards.

Foto
FRANCISCO ROMAO PEREIRA

Henrique Sá Pessoa volta a estar entre os nomeados para os The Best Chef Awards, lista que anualmente elege os 100 melhores chefs do mundo. O chef do Alma, em Lisboa, restaurante distinguido com duas estrelas Michelin, já tinha integrado o leque de candidatos no ano passado, mas acabou por não entrar no elenco final.

Em 2020, o primeiro lugar coube a René Redzepi, do Noma, em Copenhaga, e José Avillez, do Belcanto, conquistou o 70.º lugar. Aos 100 chefs que integraram a lista do ano passado (automaticamente nomeados para o ano seguinte), juntam-se agora 100 novos candidatos, anunciados ao ritmo de um por dia desde finais de Fevereiro.

Um dos primeiros nomes revelados foi Ricardo Costa, chef do The Yeatman, em Vila Nova de Gaia (duas estrelas Michelin). Já na semana passada, foi anunciada a entrada de Henrique Sá Pessoa uma vez mais para a lista de nomeados.

“Independentemente do valor que possamos dar a este tipo de listas, que são sempre muito relativas, não deixa de ser algo muito positivo, porque significa que o nosso trabalho é valorizado pela indústria. Quem vota são gastrónomos, críticos, chefs e só o facto de estar nomeado significa que respeitam o teu trabalho. E isso é sempre um motivo de orgulho”, assume Sá Pessoa em comunicado.

Nas redes sociais do The Best Chef Awards aponta-se “o gosto refinado, a técnica perfeita e excelente produto” utilizado na cozinha do português. “A base da sua filosofia culinária está nas suas influências e referências: as viagens pelo mundo, a paixão pela Ásia, o conhecimento da cozinha tradicional portuguesa, a vida em Lisboa.”

“Num ano atípico como este, é bom termos estas lufadas de ar fresco que nos dão alento e energia para o que vem aí. A minha carreira nunca foi motivada pelo reconhecimento, mas sim em fazer aquilo que me faz feliz. Se pelo caminho estes objectivos se cruzam, perfeito”, acrescenta o chef português.

A quinta edição dos The Best Chef Awards, onde se conhecerá a lista dos 100 melhores chefs do ano de 2021, terá lugar em Amesterdão, com data prevista para os dias 13, 14 e 15 de Setembro.

Cada membro do júri, composto por profissionais ligados ao mundo da gastronomia, pode escolher dez de entre os 200 nomes na corrida. No final da votação chega-se a uma nova lista de 100 chefs que mais se destacam no sector a nível mundial.