Oposição critica “perda do poder de compra” em 2023. Marcelo tem dúvidas sobre inflação

Partidos da oposição mostraram preocupações e dúvidas sobre as linhas gerais do Orçamento do Estado para 2023.

Foto
Fernando Medina e Ana Catarina Mendes receberam os partidos com assento parlamentar para apresentar linhas gerais do OE António Pedro Santos/Lusa

Da esquerda à direita, os partidos da oposição com assento parlamentar expressaram a mesma preocupação depois de conhecerem as linhas gerais do Orçamento de Estado (OE) para 2023: a perda de poder de compra. À distância, em Malta, onde se encontra em visita oficial, o Presidente da República considerou as previsões do Governo – noticiadas esta sexta-feira pelo PÚBLICO – para este ano como “realistas”, mas mostrou dúvidas sobre a projecção da taxa inflação para 2023.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários