• O Presidente da República falou depois de o secretário-geral do PS, António Costa, ter afirmado, em Bragança, que a Associação Nacional dos Municípios Portugueses (ANMP) já está a apreciar 11 diplomas, de 11.

  • A necessidade de o Governo fazer reformas estruturais para tornar o crescimento sustentável tem vindo a tomar conta do discurso do PSD. Que reformas são essas?

  • Pedro Santana Lopes, Manuela Ferreira Leite e Luís Marques Mendes têm criticado Passos Coelho.

  • A amostra que já é possível ter das campanhas que já arrancaram em 2017, é disso um exemplo, sem originalidade, sem conteúdo, usando as mesmas palavras, os mesmos slogans, dum vazio impressionante.

  • Passos Coelho apostou tudo no diabo e perdeu. E perdeu de um forma que dificilmente será recuperável.

  • A atitude de igual entre iguais, sem sobranceria, assente em sucessivos sucessos económicos, trouxe-nos uma alavancagem que nos elevou de bêbedos a Ronaldos.

  • Na convenção nacional autárquica, líder do PSD recusou a “transumância ideológica” e vender “ilusões”. Pediu "sobriedade" na campanha e defendeu que as eleições mostrarão que o partido “não precisa rogar pragas a ninguém para as coisas lhe correrem bem”.