Edite Estrela, presidente da Assembleia da República

Ou percebeu, ao longo de 40 anos, quem Sócrates era – e é politicamente cúmplice; ou não percebeu – e é monumentalmente crédula. Seja como for, Edite Estrela não tem quaisquer condições para ser a segunda figura do Estado.

A notícia já circula por aí, espalhada por vários jornais: Edite Estrela será a futura presidente da Assembleia da República, caso o PS vença as próximas eleições. Francisco Assis tinha manifestado o desejo de presidir ao Parlamento, mas ficou de fora das listas de deputados. Edite Estrela é a número 2 por Lisboa, atrás de António Costa, é mulher, e, aos 72 anos, um dos nomes históricos do PS.

Sugerir correcção
Ler 67 comentários