No mundo virtual há um restaurante de Lisboa que é uma Ameaça Vegetal

Os clientes vão à plataforma, procuram o restaurante e escolhem entre sopas, sanduíches, pratos e sobremesas. Mas há muito mais, da arte à música. Um dia, haverá um restaurante físico, no Beato, em Lisboa.

Foto
O chef Diogo Noronha estudou em Nova Iorque, passou por restaurantes internacionais e em Lisboa esteve à frente de vários projectos DR

No tempo do confinamento, chega a casa um take-away da autoria do chef Diogo Noronha e o encontro com os jornalistas faz-se pela plataforma que se tornou conhecida pela possibilidade de nos reunirmos. Embora cada um esteja no seu quadradinho do ecrã, o chef está numa cozinha industrial, no bairro da Penha de França, em Lisboa. É a partir dali que fala deste novo projecto e de cada um dos pratos que apresenta. Chama-se Ameaça Vegetal e trata-se de uma proposta flexitariana, ou seja, já um semivegetarianismo, que permite carne e peixe mas em menor quantidade.