Há uma cadeira vazia na aula de Dan Gill, em nome da inclusão

Há 30 anos que o professor norte-americano mantém uma cadeira vazia na sua aula, em Montclair, Nova Jérsia, EUA. Serve de metáfora para a “ideia de acolhimento” e respeito que quer passar aos seus alunos.

Foto
A cadeira vazia representa uma memória de infância, que levou Gill a tornar-se professor e moldou a sua forma de ensinar Kate Albright / Facebook @montclairlocal

Todas as 26 cadeiras na sala de aula da Escola Secundária de Glenfield, onde Dan Gill lecciona, estão ocupadas. Todas, menos uma, que o professor deixa vazia de propósito. Ao longo dos últimos 30 anos, o docente de Estudos Sociais da escola em Montclair, Nova Jérsia, EUA, tem mantido sempre um lugar vazio num canto da sala onde dá aulas. Representa uma memória de infância, que, como diz Gill, o levou a tornar-se professor e acabou também por moldar a forma como ensina.

Sugerir correcção
Comentar