Teatro, música, desafios e poesia. Ideias para relaxar em família com cheirinho a Primavera

Sugestões para entreter e animar os miúdos nos próximos dias. As famílias podem começar com o elogio aos pais.

Foto
O Menino e o Avô é um dos filminhos em exibição n'A Minha Família É Uma Confusão!

CINEMA

A partir de 19 de Março
A Minha Família É Uma Confusão!

A Zero em Comportamento celebra o Dia do Pai com um programa especial, dedicado às famílias. A ideia é dar a ver “diferentes realidades familiares” e “perceber que em cada família há diferentes questões a abordar”, sejam birras e castigos, dores de crescimento, dilemas da idade adulta, adopção, umas férias em família ou mesmo a morte de alguém querido, abordada “de uma forma simples, metafórica e simbólica” na curta O Menino e o Avô. Os filminhos estão disponíveis a partir de 19 de Março, no videoclube da associação, ao preço de 3€ cada (com acesso durante 72 horas).

MÚSICA

21 de Março
PaPI-Opus 8
Maiores de 3 anos

Uma viagem ao mundo colorido dos pássaros, onde habitam seres reais mas também todos os imaginários: “os das histórias, da poesia, da música, os que nos convidam a voar, os que cantam connosco”. O convite vem da Companhia de Música Teatral, de Vila Nova de Famalicão, integrado no 10.º festival de artes performativas Periferias. O voo está marcado para as 11h, nas redes sociais e no site da organização, Chão de Oliva, e custa 5€. Reservas através do e-mail papi.periferias@gmail.com

A partir de 20 de Março
Playlist da Primavera

Com a Primavera a despontar, o LU.CA - Teatro Luís de Camões, em Lisboa, convidou a cantora e compositora Sallim (nascida Francisca Salema e de cuja pena saíram Ísula e A Ver o que Acontece) para desenhar uma playlist à medida da estação “mais florida do ano”. O resultado chega dia 20, às 9h37 (hora exacta do equinócio primaveril), no canal Spotify do teatro. Uma “colectânea de músicas que nos farão florescer”, palavra de LU.CA que, até dia 24, põe também Poemas para Estes Dias à mão de semear (leia-se, no site e nas redes sociais).

TEATRO

21 de Março
Antiprincesas #Frida Kahlo
Dos 3 aos 10 anos

Uma sessão de teatro para crianças que tem como protagonista uma personagem real: a pintora mexicana Frida Kahlo (1907-1954). A transmissão é gratuita e está marcada para as 15h30, no Facebook da Casa da Cultura de Setúbal, à boleia do programa Março Mulher e antecipando as comemorações do Dia Mundial do Teatro. Criada por Cláudia Gaiolas no âmbito de uma colecção dedicada a mulheres que marcaram a História, a peça é protagonizada por Leonor Cabral, que dá vida a histórias de “mulheres comuns, heroínas na vida real que desafiaram os cânones e revolucionaram o mundo”, conforme apresentação do Teatro Meia Volta. Na mesma colecção de Antiprincesas estão os tributos à cantora e compositora Violeta Parra, à escritora Clarice Lispector, à guerrilheira Juana Azurduy, à médica Carolina Beatriz Ângelo e à poetisa Leonor, Marquesa de Alorna. No final do espectáculo, há uma conversa aberta com a actriz, sujeita a inscrição através do mail dicul@mun-setubal.pt.

24 a 31 de Março e 2 a 4 de Abril
Os Filhos do Mal
Maiores de 12 anos

Depois d’Os Filhos do Colonialismo, o Hotel Europa apresenta Os Filhos do Mal. A base de trabalho é a mesma: pôr o passado em palco problematizando a relação das gerações seguintes com uma época que não viveram, mas da qual têm uma memória construída. Desta vez, o foco documental aponta para as memórias “em segunda mão” dos nascidos depois do 25 de Abril de 1974, em particular sobre “os filhos de opositores do regime em confronto com outros cujos pais eram apoiantes da ditadura portuguesa”, refere a nota de apresentação. Uma criação de André Amálio, interpretada por “actores reais”, protagonistas das suas próprias histórias. Para ver na Sala Virtual do Teatro São Luiz, às 19h (de 24 a 31 de Março) e às 14h (2 a 4 de Abril). Os bilhetes custam 3€ e são válidos para uma visualização, durante cinco horas. Na mesma sala pode ver-se o Plano Comensal de Leitura, criação de Marta Bernardes sobre a importância da arte nas nossas vidas (sábado e domingo, às 14h, até 21 de Março, com bilhetes a 3€).

11 de Março a 12 de Abril
Anti-Vírus - A Magia Contra-Ataca!

Magia, ciência e esperança são os ingredientes do espectáculo levado à cena digital pela GrowUp. Aproveitando os poderes mágicos do imaginário infantil, entramos no laboratório onde a palhaça Mimi (interpretada por Mimi Martinez) tenta ajudar os cientistas a encontrar uma forma de fazer desaparecer o vírus, para poder voltar a brincar e abraçar os seus amigos. A encenação é de Miguel Sousa. Disponível por video on demand, por 8€, no Ticketline Live Stage.

ACTIVIDADES

19 a 21 de Março
Dia do Pai no Jardim Zoológico

O Jardim Zoológico de Lisboa desafia crias e progenitores a participar numa “verdadeira aventura de detectives”, à distância, no conforto do lar. Ao longo de três dias, põem-se as duplas imbatíveis a “desvendar o grande mistério dos alimentos desaparecidos”, num percurso delineado no site do zoo, com pistas que levam à resolução do enigma. As respostas são enviadas para zoopassatempos@zoo.pt e habilitam os participantes a convites duplos para uma visita ao parque, ao vivo e a cores, num futuro desconfinado. Também o blogue da casa dedica uma montra especial aos pais, abrindo um álbum de fotografias com os progenitores da família zoológica.

20 e 21 de Março
A Chegada da Primavera

O Museu de Lisboa dedica o fim-de-semana à Primavera e à poesia. A chegada da nova estação e o Dia Mundial da Poesia motivam um programa recheado com actividades para toda a família. A festa tem início no sábado, às 15h, com A poesia nasce das árvores, que ensina a fazer um livro de poesia gráfica a partir de papel reciclado (via Zoom, com inscrição em reservas@museudelisboa.pt). Segue-se uma aula de dança greco-romana com o Terpsichore Dance (às 17h, no Facebook). Para domingo está prevista uma visita guiada à exposição Hortas de Lisboa - Da Idade Média ao Século XXI (às 16h, em directo no Zoom) e um concerto do grupo Maria Monda a partir do jardim do Palácio Pimenta (às 17h, no Facebook). À excepção da visita guiada (3€), todas as actividades são gratuitas.

Em permanência
Atividário
Dos 4 aos 12 anos

A Fundação Eugénio de Almeida, em Évora, abriu uma nova sala para acompanhar o público jovem em casa. Num convite extensível a pais e educadores, o Atividário promove uma aproximação às colecções da fundação e às exposições patentes no Centro de Arte e Cultura, através de oficinas e cadernos de actividades. Da Receita para criaturas fantásticas, com desenho, pintura e colagem, aos Retratos sem fronteiras inspirados pela exposição Ilhéus de Moira Forjaz, passando pelas Combinações improváveis a partir Do Inesgotável de Pedro Calhau ou pelo Corta, Rasga, Cola, Pinta sugerido pela exposição Strata de Deanna Sirlin. Nos cinco cadernos de actividades disponíveis, os trabalhos versam sobre a Colecção de Carruagens, o Jardim das Casas Pintadas, as Arquitecturas Pintadas, o Paço de São Miguel e Fahrenheit, a Consagração de Babel.

CONVERSAS

22 de Março
A Última Gota

No Dia Mundial da Água, o Pavilhão do Conhecimento - Centro Ciência Viva, em Lisboa, promove um ciclo de conversas online, transmitidas em directo no YouTube. Destinadas ao público em idade escolar mas abertas à comunidade em geral, as conversas contam com as reflexões de investigadores e especialistas sobre a importância da água e os desafios associados a este bem comum, como a gestão de recursos, a escassez, os períodos de seca, a poluição ou a reutilização de água. Entre as 10h e as 13h, com entrada livre.