Eurobic é a nova etapa da expansão ibérica dos venezuelanos do Banesco

Juan Carlos Escotet fundou o Banesco, que chegou a Espanha há sete anos e ficou com o Abanca, do qual é presidente. Compra de 95% do Eurobic permite novo passo na expansão internacional. Em sentido contrário está Isabel dos Santos, que deixará de ter posições em bancos portugueses.

Foto
Eurobic tem 6148 milhões de euros em depósitos: Negócio tem ainda de ser aprovado pelos reguladores Bruno Lisita

A compra de 95% do Eurobic comunicada pelo Abanca esta segunda-feira representa mais um passo no crescimento do venezuelano Banesco no mercado ibérico, depois de ter chegado a Espanha no período da crise. O processo começou pelo pequeno Etcheverría e, logo depois, comprou a Novagalicia/NCG, num ciclo de aquisições que envolveu as agências da CGD neste mercado e a rede do Deutsche Bank em Portugal.