Macau em três andamentos: façam as vossas apostas

Embora pequena, Macau acumulou ao longo de séculos incontáveis motivos de interesse para qualquer viajante. Há praticamente algo para todos. Entre história, modernidade e gastronomia, deixamos algumas sugestões.

Foto
A Old Taipa Tavern, na Taipa Velha, é um dos poucos bares com "feeling" que se mantêm vivos fora da órbita dos casinos. É uma "taberna" muito procurada pelos emigrantes residentes em Macau

Pequim extinguiu a organização administrativa de base portuguesa, assente em dois concelhos (o de Macau e o das Ilhas) dois anos depois de tomar posse do território. Desde 2001, deixou de haver câmaras e assembleias municipais. Porém, mesmo 17 anos depois ainda é possível encontrar mapas com as referências às antigas freguesias. Eram cinco em Macau e duas nas ilhas. De Norte para Sul, começando por Macau: Nossa Senhora de Fátima, Santo António, São Lázaro, São Lourenço e Nossa Senhora do Carmo; na Taipa, Nossa Senhora do Carmo; e em Coloane, São Francisco Xavier. À Zona do Aterro de Cotai, que serviu a construção dos mais recentes casinos, não correspondia uma freguesia.

Sugerir correcção
Comentar