Recurso da Operação Marquês nas mãos de juiz Rui Rangel

Este é um dos seis processos que foram atribuídos por sorteio ao juiz do Tribunal da Relação de Lisboa, que é suspeito de vários crimes na Operação Lex

Juiz
Foto
LUSA/ANTÓNIO PEDRO SANTOS

Um recurso do processo Operação Marquês, um caso de corrupção que envolve o ex-primeiro-ministro José Sócrates, foi atribuído por sorteio ao juiz do Tribunal da Relação de Lisboa, Rui Rangel, suspeito de vários crimes na investigação da Operação Lex e que esteve suspenso da magistratura durante mais de um ano.