Bancos “testam” supervisor com taxas negativas nos depósitos

BCP e BPI já criaram “comissões de depósito”, de 0,4% e 0,3% a aplicar, por enquanto, aos saldos dos clientes institucionais financeiros. Banco de Portugal diz que “está a acompanhar o assunto”.

Foto
Bancos estão apostados em aumentar receitas a partir dos depósitos MIGUEL MANSO

E se os bancos começassem a cobrar dinheiro aos depositantes, replicando o que está a ser feito o Banco Central Europeu (BCE), que cobra -0,4% sobre os montantes que lhe são confiados? A possibilidade parece absurda e a legislação nacional não permite que “a taxa de remuneração de um depósito seja negativa”, mas há dois bancos, o BCP e o BPI, que encontraram um meio alternativo de o fazerem, por enquanto, apenas em relação a grandes clientes institucionais, como fundos de pensões ou gestoras de activos.