Acabou-se a festa: Milhões de Festa adiado para 2020

Os organizadores do festival de música de Barcelos optaram por cancelar a edição deste ano, mas vão regressar em 2020.

Foto
Edição do Milhões de Festa em 2018. Agora, regressa em 2020 Andre Rodrigues

O festival de música alternativa Milhões de Festa em Barcelos não se vai realizar este ano depois da autarquia de Barcelos e a editora portuguesa Lovers & Lollypops, parceiros e co-produtores do Milhões de Festa desde 2010, terem chegado a acordo e decidido adiar a décima edição do festival para 2020.

Depois de nove edições seguidas, a autarquia e a empresa consideram ter chegado o momento de reflectir sobre o espaço que o evento ocupa no panorama nacional e, com base nisso, redefinir a sua missão e estratégia. Trata-se de uma pausa que terá em conta o sucesso das nove edições realizadas em Barcelos e que em nada compromete o trabalho e a história do evento que, recorde-se, promoveu a estreia nacional de nomes como Electric Wizard, Alt-J, Connan Mockasin, Squarepusher, GraveyardJacco Gardner, Boogarins, Earthless, Shame, Michael Rother, Sons of Kemet, The Comet is Coming, faUSt & Gnod, Nubya Garcia, entre muitos outros.

No ano passado, o festival esteve em vias de não acontecer. Mas esforços de última hora da organização acabaram por resultar e o Milhões de Festa foi remarcado para Setembro sob o signo de uma nova identidade.​

O município de Barcelos e a Lovers & Lollypops mantêm assim o compromisso de fazer de Barcelos e do Milhões de Festa referências obrigatórias para melómanos, curiosos e apreciadores de música, prometendo regressar com o ambicioso festival em 2020.