Os sequestradores do Procurador que investiga a morte de um jovem que se tornou símbolo de resistência a Erdogan foram mortos pela polícia, afirma, no Twitter, a organização que reivindicou o ataque.