A proposta de novas regras orçamentais da Comissão Europeia

A estabilização e o desenvolvimento da Área do Euro requerem muito mais do que novas regras orçamentais.

A nova proposta de governação económica da Comissão Europeia parece não agradar nem a gregos nem a troianos. Raras vezes se assistiu a uma cacofonia tão dissonante entre membros da intelligentsia europeia que, em geral, formam aquela câmara de eco dos consensos dominantes que, apresentando alguma salutar, mas insuficiente divergência, tipicamente definem e fazem implementar, de forma surpreendentemente expedita, as novas políticas económicas da Área do Euro.

Sugerir correcção
Ler 4 comentários