Russos exportam cereais da Ucrânia quando a ONU diz que 16 milhões de ucranianos precisam de ajuda humanitária

Moscovo reconhece a retirada dos cereais da Ucrânia, mas diz que pagará depois aos agricultores. Kiev fala em “roubo” e “saque ilegal dos seus recursos”.

Foto
Distribuição de ajuda humanitária na região de Zaporijjia, actualmente tomada pelos russos EPA/ROMAN PILIPEY

Sugerir correcção
Ler 25 comentários