Será mesmo necessário vacinar algumas pessoas por causa da varíola-dos-macacos?

Se há especialistas que consideram que a questão da vacinação por causa da varíola-dos-macacos não se coloca, outros dizem que, se for necessário, o esforço vacinal não terá de ser grande.

Foto
Decorrem conversações para a compra de vacinas contra a varíola DADO RUVIC/Reuters

Com o aparecimento de casos de vírus da varíola-dos-macacos na Europa vieram atreladas novas conversas sobre a necessidade de vacinação. Pouco tempo depois do surgimento de casos, o Centro Europeu de Controlo de Doenças veio dizer que, se estiverem disponíveis vacinas contra a varíola, a inoculação de contactos próximos de alto risco deve ser considerada depois de uma avaliação. Países da União Europeia – incluindo Portugal – estão em conversações para comprarem vacinas em conjunto. Mas será mesmo necessário vacinar algumas pessoas por causa da varíola-dos-macacos? E, se sim, qual será esse esforço vacinal? Por agora, se há especialistas que consideram que a questão da vacinação não se coloca, outros afirmam que, se for necessário, o esforço vacinal não terá de ser grande.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários