“Zelensky não tem o direito de cometer erros”, diz biógrafo

O jornalista Sergii Rudenko, autor da primeira biografia de Volodymyr Zelensky publicada em Portugal, traça o retrato de um humorista com uma popularidade inigualável que se tornou Presidente numa “revolução eleitoral” e combate agora uma guerra pelo futuro do seu país.

Foto
Volodymyr Zelensky foi eleito em 2019, depois de uma carreira de duas décadas como actor e produtor UKRANIAN PRESIDENTIAL PRESS SERVICE HANDOUT / EPA

Sugerir correcção
Ler 2 comentários