Histórias de família não são contos de fadas, mas as crianças precisam de as ouvir

As histórias são uma forma de preservar a história da família, mas, mais importante, criam uma sensação de continuidade e resiliência e — isso é o que muitas vezes esquecemos — constroem uma estrutura para entender experiências dolorosas e celebrar as alegrias.

Foto
É importante os avós partilharem as suas histórias, boas e más, com os netos Mary Blackwey/Unsplash

O meu pai sempre foi o contador de histórias da família. Crescendo, houve algumas histórias que se tornaram mitos, como aquela vez que a sua unidade da Guarda Nacional deitou abaixo umas árvores para conseguir içar os seus tanques de um pântano, ou a noite em que eu quase nasci numa importante avenida, em Manhattan.

Sugerir correcção
Comentar