Food Circle: À volta do fogo, somos todos alentejanos

O chef Hélio Gonçalves, responsável pelos restaurantes do Sublime Comporta, criou para o Círculo de Fogo – um espaço mágico dentro de um jardim comestível repleto de aromas e sabores – um menu inspirado nos produtos e tradições do Alentejo.

Foto
O espaço do Food Circle, no Sublime Comporta dr

Primeiro há o jardim. E é logo aí que os nossos sentidos se confundem, por entre ervas aromáticas e flores comestíveis. “O vento joga a nosso favor e espalha as sementes”, diz Lorina Gaspar, a sous chef do Food Circle, do hotel Sublime Comporta, que nos guia neste passeio, ao lado do chef executivo, Tiago Maio. O jantar começa aí, no jardim, que percorremos nessa hora mágica em que o sol se põe. O coentro frisado é picante, a borragem sabe a ostra ou a maçã?, o alho oriental é bom para as carnes gordas ou maturadas. E os morangos? “Os nossos pássaros não nos dão a oportunidade de os apanhar”, riem-se os nossos anfitriões.