As ruas vistas do céu, no primeiro confinamento e agora

Quase um ano depois de ter sido decretado o primeiro confinamento, o país volta a fechar-se em casa em 2021. Que diferenças se vêem de um ano para o outro nas ruas desertas? O fotojornalista do PÚBLICO Nelson Garrido fotografou as paisagens do Porto em Março de 2020 e agora.

Foto
NELSON GARRIDO

Quase um ano separam estas fotografias. De um lado, as fotografias do primeiro confinamento, em Março de 2020, quando o vírus era ainda uma incógnita e deixava muitas perguntas por responder. Do outro lado, as fotografias do segundo confinamento em Portugal – continuam a existir muitas perguntar por responder, mas sabe-se mais sobre o coronavírus SARS-CoV-2, há vacinas que já estão a ser administradas e há muitas mais infecções, mortes e internamentos por covid-19 a cada dia do que havia em 2020.

Ponte D. Luís I, Porto

Agora, o confinamento também não é tão apertado como foi na primeira vaga – como se pode ver pela quantidade de pessoas e de carros que estão nas fotografias de 2021, mesmo sendo poucas –, mas o Governo apertou as regras e as autoridades pedem que se fique em casa e se cumpram as normas à risca. Para evitar o colapso dos sistemas de saúde. Para salvar vidas.

Rua de Camões

Rua de Camões, Porto

Parque de estacionamento do Mar Shopping

Parque de estacionamento do Mar Shopping

Praia de Matosinhos

Praia de Matosinhos

Ponte do Freixo

Ponte do Freixo, Porto

Ponte D. Luís I

Ponte D. Luís I, Porto

Parque de estacionamento do Gaia Shopping

Parque de estacionamento do Gaia Shopping

Rua de Santa Catarina

Rua de Santa Catarina, Porto
Rua de Santa Catarina, Porto