Fazer presos regressarem à prisão antes do fim da pandemia é “inconstitucional”, avisa CSM

Ordem dos Advogados também é contra a proposta do Chega, mas usa argumentos diferentes: presos podem levar o vírus para as cadeias e o texto de André Ventura não revoga a ordem de libertação.

prisoes,ministerio-justica,politica,crime,justica,governo,
Foto
Chega queria que presos libertado por causa da pandemia voltassem às prisões PAULO PIMENTA

Fazer regressar à prisão antes do final da pandemia de covid-19 os presos libertados em Abril temporariamente, ao abrigo do regime de flexibilização de penas que pretendia ajudar a prevenir o contágio entre os detidos, é inconstitucional, avisa o Conselho Superior da Magistratura (CSM) no parecer sobre o projecto de lei do Chega. Prevê um regime menos favorável para os presos e viola os princípios da segurança jurídica e da protecção da confiança.