Christine Lagarde
Reuters/POOL

Lagarde com herança pesada e caminho cheio de riscos

A economia a abrandar, o mundo à beira de uma guerra cambial e um BCE mais dividido do que nunca. A tarefa de Christine Lagarde à frente do BCE adivinha-se difícil.

Como se não bastasse o fardo de substituir um presidente aclamado pela maioria como o salvador do euro, Christine Lagarde enfrenta ainda uma conjuntura cheia de armadilhas. Economia em abrandamento, inflação sem sinais de recuperação, instrumentos de política monetária já muito gastos, ambiente de guerra cambial no mundo e divisões ao rubro dentro do conselho de governadores do BCE.