Caixa agrava em 14% o custo da conta à ordem mais barata

Banco público penaliza a Caixa S, a conta que substituiu a conta reformado, e dá desconto de 30% a clientes de rendimentos mais elevados. Transferências MB Way passam a ter custos de 88,4 cêntimos.

Foto
LUSA/MIGUEL PEREIRA DA SILVA

Injustas e desproporcionadas. É assim que Nuno Rico, economista da Deco Proteste, resume a actualização de comissões que a Caixa Geral de Depósitos (CGD) acaba de fazer para 2020, onde se destaca um agravamento de custos para os clientes com menores rendimentos, nomeadamente os reformados, e para os que estão “amarrados” pelo crédito à habitação.