Contra o PS, deputados recomendam ao Governo redução de portagens no Pinhal Interior

Eliminação de portagens na A22, A23, A24 e A25 foi chumbada pelo voto contra do PS e a ajuda do PSD e CDS através da abstenção. Mas houve deputados do PS eleitos pelos distritos abrangidos por estas auto-estradas que se juntaram ao Bloco, PCP e PEV.

Foto
Abolição de portagens chumbada na AR Melanie Maps

Eram 16 projectos de resolução que recomendavam ao Governo a eliminação de portagens, a sua redução e até mesmo a deslocação de um pórtico em Aveiro para evitar que as deslocações ao estádio local tivessem que ser pagas, mas apenas foram aprovados dois - ambos do PSD - e apenas contemplam a redução.

Um dos diplomas recomenda ao Governo a redução de portagens na auto-estrada do Pinhal Interior, no troço que liga o Entroncamento a Coimbra e no que liga a Condeixa. O PS ficou isolado a votar contra e até quatro deputados seus (Isabel Cruz, Elza Pais, João Gouveia e Pedro Coimbra) votaram a favor da redução juntando-se a todos os grupos parlamentares e ao deputado Paulo Trigo Pereira. Outros cinco socialistas abstiveram-se.

O outro diploma aprovado é um projecto de resolução que recomenda ao Governo que cumpra uma resolução da Assembleia da República de 2013 para estudar uma alternativa ao chamado pórtico do estádio de Aveiro para que quem se desloca entre o centro da cidade e aquele equipamento desportivo não precise de pagar portagem. O PS e o PEV votaram contra, o deputado Paulo Trigo Pereira absteve-se, e os restantes partidos e seis deputados socialistas votaram a favor.

Todos os restantes projectos de resolução que recomendavam ao Governo a abolição de portagens na A22 (Via do Infante, no Algarve), na A23 (Auto-estrada da Beira Interior), na A24 (Auto-estrada do Interior Norte) e na A25 (Auto-estrada das Beiras Litoral e Alta) foram chumbados com o voto contra do PS e a abstenção do PSD e do CDS. Porém, houve sempre deputados socialistas a votar ao lado do Bloco, PCP e PEV pela eliminação das portagens, especificamente boa parte dos deputados eleitos pelos distritos abrangidos por estas vias.