Serão os seus filhos maus ou apenas a agir de acordo com a idade?

Muitos comportamentos que podem parecer indelicados, indiferentes ou erráticos podem ser, afinal, adequados. E grande parte dos sinais de alerta não são de todo indícios de perigo.

Foto
Nos últimos anos da pré-escola, diz Erin Walsh, os componentes cognitivos da empatia começam a tornar-se mais fortes DR/Janko Ferlic via Unsplash

O irmão mais novo cai e começa a chorar, e a irmã mais velha ri-se descontroladamente. Um colega de jardim-de-infância empurra um amigo que agarrara um cobiçado brinquedo. Um rapaz de 11 anos tem uma conversa empática com a sua mãe sobre bullying para, no dia a seguir, gozar com um colega de turma.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários