Obras atrasadas? Metro do Porto diz que autarquia também tem responsabilidades

Presidente da Metro já respondeu a Rui Moreira, que considerou haver “excessivos atrasos” na construção da Linha Rosa. Autorizações pedidas à autarquia tardam a ter resposta e também atrasam a obra

Foto
Linha Rosa vai ligar São Bento à Casa da Música e deve ficar concluída até Dezembro de 2024 Nelson Garrido

A Metro do Porto quebrou o silêncio. Quase um mês depois das críticas de Rui Moreira aos “excessivos atrasos” na empreitada de construção da Linha Rosa, Tiago Braga respondeu ao presidente da Câmara do Porto e trouxe à baila outra versão da história. Apesar de relatar dificuldades e atrasos iniciais na empreitada, o presidente da Metro do Porto mantém Dezembro de 2024 como prazo previsto para o término da linha que ligará São Bento e a Casa da Música e aponta demoras na obtenção de autorizações pedidas à própria autarquia como um dos problemas enfrentados. Tiago Braga nega, também, que as reuniões entre as partes tenham tido “qualquer interrupção relevante”, como o autarca havia dito numa missiva que lhe enviou.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários