NATO reafirma “apoio inabalável” à Ucrânia em resposta a pretensos referendos

Anexação de quatro regiões ucranianas ocupadas pela Rússia deverá ser formalizada nos próximos dias, perante a condenação da maioria dos países da ONU. Exército da Rússia desloca posto de mobilização para a fronteira com a Geórgia, para impedir fuga de cidadãos russos.

Foto
Votação na cidade ucraniana de Donetsk, ocupada pelo Exército russo Reuters/ALEXANDER ERMOCHENKO

Sugerir correcção
Ler 5 comentários