Empresas já vêem a recessão como certa

Confiança dos empresários continua a degradar-se, com excepção do sector dos serviços. Famílias prevêem cortar em compras importantes. BCE admite recessão “moderada”.

Foto
António Saraiva, João Vieira Lopes e Manuel Reis Campos (foto de arquivo) DANIEL ROCHA

“A questão não é se vamos ter uma recessão. A questão é quando é que ela chega.” A frase é de António Saraiva, presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), a maior e mais representativa da indústria transformadora, que é um dos sectores em que o clima de confiança caiu em Agosto para os níveis de há 18 meses, quando a pandemia impunha restrições severas e confinamentos gerais.

Sugerir correcção
Ler 4 comentários