“Vou contar até 10”: estratégias de regulação emocional para lidar com as “birras”

Mais importante do que cessar uma explosão emocional no momento, é primordial ensinar melhores formas de lidar com as emoções no futuro. Só assim, fruto de persistência, calma e amor, é que poderemos criar adultos responsivos e sensíveis às suas necessidades e às do outro.

Foto
É importante demonstrar apoio, fornecendo alternativas à expressão da zanga e frustração Getty Images

Regular as emoções e manter o nosso comportamento organizado em situações emocionalmente desafiantes nem sempre é tarefa fácil, muito menos na infância! Nesta fase as crianças ainda estão a desenvolver a capacidade de regulação emocional, que não é autónoma, e a aprender junto dos adultos cuidadores estratégias para o fazerem de forma mais eficaz. Esta competência desempenha um papel crucial para um desenvolvimento socioemocional adequado. Contudo, ajudar as crianças a organizar as suas emoções quando experienciam “birras” pode ser muito desafiante para os pais, que relatam frequente e continuamente dificuldades em conter estas explosões emocionais e os comportamentos que lhes estão associados. Neste sentido, apresentam-se dez estratégias concretas para lidar com birras.

Sugerir correcção
Comentar