Lei impede empresas de questionar trabalhadores sobre vacina da covid

Há empresas a perguntar se trabalhadores foram vacinados mas sublinham que respostas são “voluntárias”. Essa informação não pode ser usada, alertam juristas.

Foto
Adriano Miranda

Ainda que haja empresas que prolongaram o teletrabalho até 2022, como a seguradora Liberty ou a Google, ou que prosseguem em regimes híbridos, o dia 1 de Outubro marca o início de um novo ciclo em que as empresas podem decidir sobre o uso de máscara no local de trabalho mas não podem perguntar aos funcionários se estão vacinados ou não e, muito menos, usar essa informação de alguma maneira. 

Sugerir correcção
Ler 13 comentários