Deco “apreensiva” com fim da moratória dos particulares, banca desdramatiza

Perto de 239 mil devedores particulares têm de retomar o pagamento dos seus empréstimos já a partir de Outubro. Quem não conseguir fica dependente dos bancos para encontrar uma solução que evite males maiores.

Foto
Andreia Patriarca

O pagamento da prestação da casa e de um pequeno número de outros créditos chega já em Outubro para cerca de 239 mil devedores, depois da sua suspensão durante 18 meses (ou um pouco menos, conforme a data de adesão). É que a moratória de crédito criada pelo Estado, considerada um balão de oxigénio para centenas de milhares de famílias, porque permitiu suspender o pagamento regular de capital e juros, chega ao fim esta quinta-feira, 30 de Setembro.

Sugerir correcção
Comentar