Afinal, as mais antigas pegadas humanas na América do Norte têm cerca de 20 mil anos

Artigo publicado na Science revela que nas investigações feitas no Parque Nacional de White Sands, no Novo México, foram encontradas pegadas humanas que terão entre 21 mil e 23 mil anos.

Foto
National Park Service, USGS and Bournemouth University

Uma equipa de cientistas relatou esta quinta-feira na revista Science a descoberta daquelas que podem ser as pegadas humanas mais antigas conhecidas na América do Norte. Os autores do artigo estimam que estas marcas encontradas no local que é hoje o Parque Nacional de White Sands têm entre 21 mil e 23 mil anos de idade, durante o Último Máximo Glacial. As descobertas indicam que os humanos estavam presentes no sul da América do Norte cerca de sete mil anos antes do que se pensava.