Arqueologia

Todos os tópicos

Foram identificados três sarcófagos datados do século V e sepulturas do século II com sinais de vandalização e muito afectados pelo tráfego rodoviário de grande tonelagem.

  • Foram identificados três sarcófagos datados do século V e sepulturas do século II com sinais de vandalização e muito afectados pelo tráfego rodoviário de grande tonelagem.

  • A sucessão de "casos" que vem assolando o nosso património cultural dá que pensar. E a postura nonchalante do ministro da Cultura em face dos mesmos também.

  • Deputados querem garantias de que estão asseguradas "sem margem para qualquer dúvida" as condições de salvaguarda e conservação do valioso acervo à guarda do Centro Nacional de Arqueologia Náutica e Subaquática.

  • Escolha do novo responsável fora criticada pela Associação dos Arqueólogos Portugueses. Conselho directivo entra em funções já no dia 26 e terá um mandato de cinco anos.

  • Uma exposição do Museu Nacional de Arqueologia percorre, em 500 peças, sete mil anos de história do maior e mais povoado dos concelhos do Algarve. Da pré-história à época medieval com um salto ao presente, porque a arqueologia também se faz com os vivos. A partir desta quarta-feira em Lisboa.

  • A cabeça em mármore que Beja guardou durante 117 anos sem saber quem tentaria retratar reúne “todas as características” que o biógrafo romano Suetónio associou a Júlio César: “rosto um pouco cheio e olhar vivo e calvo, mas para disfarçar puxava para a testa os poucos cabelos que ainda tinha”.

  • João Zilhão, o arqueólogo que coordenou a criação do Parque Arqueológico do Côa, diz que a situação actual torna plausível uma decisão que seria “altamente desprestigiante” para o Estado português