Mudar-se para o interior de Portugal em directo no YouTube

O despovoado interior de Portugal anda nas bocas do mundo – e em páginas do YouTube. Há dezenas de projectos online a documentar, passo a passo, por que é que Portugal pode ser o destino perfeito de quem procura um modo de vida mais sustentável.

Foto
Kylie Ackers, 46 anos, e Guy Routledge, de 41, trocaram um apartamento em Londres por uma tenda de safari no centro de Portugal Nelson Garrido

O objectivo era simples. “Abrandar e ter um estilo de vida mais tranquilo, mais sustentável”. Kylie Ackers, 46 anos, nascida na Austrália, formada em tecnologias da comunicação, muitos anos a alternar trabalho intensivo no Reino Unido com viagens pelo mundo e missões de voluntariado em África, não foi a primeira a senti-lo, nem a dizê-lo. Há muita gente com este anseio e discurso. Kylie andava a pensar nisso há algum tempo, mais intensamente desde 2015, altura em que começou a gerir um site a falar das pequenas grandes mudanças que cada cidadão pode fazer para ter uma pegada menos lesiva para o planeta. “É incrível o estado de eco-ansiedade a que podemos chegar. Sabemos que estamos a fazer algo positivo, mas sentimos que nunca é o suficiente”. O marido, que não é tão sensível aos temas ecológicos quanto Kylie, também concordou. “A vida apressada de Londres cansa”, confirma Guy Routledge, 41 anos.