Bruxelas incentiva países a subir impostos sobre combustíveis poluentes

Revisão da directiva da Tributação da Energia introduz princípio do poluidor-pagador, com taxas superiores para os combustíveis mais poluentes. Comissário da Economia diz que a subida dos preços vai incentivar o uso das energias renováveis.

Foto
Vai ser aplicado o princípio do poluidor-pagador, o que obrigará os Estados-membros a carregar nos impostos dos produtos que causam maior dano ao ambiente e ao clima, nomeadamente a gasolina e o gasóleo PAULO PIMENTA

O comissário europeu da Economia, Paolo Gentiloni, disse esta quinta-feira que a aplicação do futuro Mecanismo de Ajustamento de Carbono nas Fronteiras (ou CBAM, na sigla em inglês) deverá gerar uma receita de cerca de dez mil milhões euros em 2030.