UE deve estar preparada para a deterioração das relações com a Rússia, avisa Borrell

Chefe da diplomacia europeia culpa a Rússia pela “espiral negativa” do relacionamento bilateral. Borrell estima que a situação ainda vá piorar, e por isso propõe que os líderes da UE adoptem medidas para proteger os seus interesses.

Foto
“Sei por experiência própria que a Rússia não está interessada em falar com a UE", disse Josep Borrell JOHANNA GERON/Reuters

As “acções deliberadas” do Governo da Rússia criaram uma “espiral negativa” nas relações políticas com a União Europeia, que, na opinião do Alto Representante para a Política Externa e de Segurança, Josep Borrell, tem de ser “realista” e estar preparada para uma deterioração da situação — esse é “o cenário mais provável” nos próximos tempos.