Dez meses depois, Governo apoia vendas nacionais com 500 milhões

Mercado nacional vai ter finalmente seguro de crédito com garantia do Estado. Bruxelas já deu luz verde a medida prometida desde Junho de 2020.

Foto
Nelson Garrido (arquivo)

Nesta crise da pandemia, os seguros de crédito foram o instrumento mais ignorado de entre todos os que permitem às empresas gerir os pagamentos sem ficarem de cofres vazios. O apoio às exportadoras só chegou em Junho de 2020, já o país levava três meses de pandemia. E a solução para as vendas no mercado nacional, embora prometida desde a mesma altura (já constava no Programa de Estabilização Económica e Social, apresentado a 7 de Junho de 2020) só agora vai tornar-se realidade.