Professor da Universidade de Lisboa difama e inventa teorias da conspiração

O mundo de João Lemos Esteves gira à volta de Trump, Ventura, QAnon, fake news, pseudojornais, Israel e acusações delirantes. E também do Iniseg, que, afinal, não é uma universidade. José Pacheco Pereira vai apresentar uma queixa-crime contra o jurista. Acusa-o de 12 mentiras. “Uma coisa é liberdade de opinião, outra é inventar ‘factos’ para difamar.”

Foto

Parece consensual que foi algures em 2016, com a entrada em força de Donald Trump no discurso público mundial, que João Lemos Esteves começou a radicalizar-se.