Salário mínimo deverá subir com directiva proposta pela Comissão

Comissário europeu do Emprego critica a estagnação dos salários mínimos e diz que “quem tem um emprego deve receber o suficiente para pagar as contas ao fim do mês”.

trabalho-emprego,empresas,economia,emprego,concertacao-social,uniao-europeia,
Foto
Nicolas Schmit, comissário europeu para o Emprego e Direitos Sociais LUSA/VIRGINIA MAYO / POOL

O cumprimento dos seis requisitos que constam na proposta de directiva para o enquadramento do salário mínimo na União Europeia, aprovada esta quarta-feira pelo executivo comunitário, obrigará vários Estados-membros a rever em alta os valores actualmente fixados na lei como o patamar obrigatório para os vencimentos nacionais, confirmou fonte da Comissão Europeia.