Hotéis

Coronavírus: Depois de 60 anos de portas abertas, Ritz Lisboa fecha “por precaução”

O histórico hotel Ritz junta-se à lista de hotéis fechados temporariamente: decidiu encerrar “por precaução e em resposta à actual situação da covid-19”. Data avançada: até 1 de Maio.

Foto
Enric Vives-Rubio

O Ritz Four Seasons Hotel decidiu encerrar temporariamente “por precaução e em resposta à actual situação” de pandemia do novo coronavírus.

“A segurança e o bem-estar dos nossos colegas e hóspedes continua a ser a nossa prioridade e contamos poder recebe-lo a partir de 1 de Maio”, lê-se no breve comunicado publicado esta segunda nas contas de Facebook e Instagram.

Inaugurado em 1959, o histórico e luxuoso hotel é um projecto do arquitecto Porfírio Pardal Monteiro, decidido por vontade de Oliveira Salazar para ser o primeiro grande hotel de luxo em Lisboa, instalado junto ao Parque Eduardo VII, numa zona então em grande desenvolvimento.

Para a inauguração, foi organizado um baile de gala para dois mil convidados e, desde então, o Ritz tem recebido chefes de estado, membros da realeza e algumas das mais importantes figuras internacionais.

Na sexta-feira passada, o presidente da Associação de Hotelaria de Portugal estimava que metades dos hotéis do país encerrariam esta semana devido ao impacto da covid-19, estimando “uma quebra de 30%” na facturação até ao final do ano. Nas últimas semanas, várias unidades já tinham anunciado o fecho temporário face à situação.

Em declarações à Lusa, Raul Martins afirmava que “só no final de Maio poderemos a começar a registar a inversão desta tendência”, sendo que “antes de Julho não estaremos a reabrir hotéis”.

Sugerir correcção