Eleição de juízes do TC só avançará quando o Parlamento se normalizar

O PS vai exigir eleições em separado e um acordo prévio com o PSD que seja selado com uma declaração pública de apoio a todos os nomes.

Ana Catarina Mendes quer que Rui Rio assuma um compromisso público de acordo sobre a eleição dos representantes do Parlamento
Foto
Ana Catarina Mendes quer que Rui Rio assuma um compromisso público de acordo sobre a eleição dos representantes do Parlamento Rui Gaudencio

A eleição do novo presidente do Conselho Económico e Social (CES), dos dois juízes em falta no Tribunal Constitucional (TC) e demais nomeados pela Assembleia da República para os órgãos externos ficará adiada para quando o Parlamento retomar a normalidade dos seus trabalhos, que estão agora reduzidos à presença de um quinto dos deputados, o quórum mínimo de funcionamento.