Cerca de 20% dos alunos com 15 anos não adquirem competências mínimas

Esta é “uma realidade [mostrada pelo PISA] que nos deve preocupar a todos como sociedade”, alerta a directora do Plano Nacional de Leitura. Resultados da avaliação da OCDE voltam a ser pretexto para troca de acusações entre o actual titular da pasta da Educação e o seu antecessor no cargo.

Foto
“Não ter proficiência ao fim de dez anos na escola é algo que não pode ser. Ponto final”, comenta a directa do Plano Nacional de Leitura PAULO PIMENTA

Ao fim de dez anos de escolaridade, cerca de um quinto dos alunos portugueses continua a não ter competências mínimas para resolver situações do dia-a-dia. É o que mostram os resultados do PISA (Programme for International Student Assessment) divulgados nesta terça-feira.