Vem aí a primeira procuradora-geral europeia para investigar fraudes no IVA

Magistrada romena Laura Kovesi é o rosto da nova Procuradoria Europeia. Órgão pode abrir inquéritos por corrupção com fundos europeus. Portugal participa no projecto.

Foto
A “fraude carrossel” implica menos 50 mil milhões em receitas de IVA para os países da UE LUSA/FACUNDO ARRIZABALAGA

Está dado mais um passo para pôr de pé a nova Procuradoria Europeia, um novo órgão da União Europeia (UE) que, dentro de alguns meses, poderá começar a investigar e a deduzir acusações judiciais em grandes casos de fraude no IVA e corrupção com fundos europeus.