Bloco e PCP colocam IRS como uma das prioridades para a discussão do próximo orçamento, mas as mudanças exigem muitas contas para criar novos escalões, alterar mínimo de existência e mudar deduções de forma a não prejudicar os rendimentos mais baixos.

  • Bloco e PCP colocam IRS como uma das prioridades para a discussão do próximo orçamento, mas as mudanças exigem muitas contas para criar novos escalões, alterar mínimo de existência e mudar deduções de forma a não prejudicar os rendimentos mais baixos.

  • Acusações do Ministério Público incluem crimes como corrupção, falsidade informática, acesso ilegítimo, abuso de poder, tráfico de influência, fraude fiscal, falsas declarações e detenção de arma proibida.

  • Primeiros reembolsos relativos ao IRS automático foram processados no dia 11 e começaram a chegar às contas bancárias dos contribuintes.

  • Catarina Martins considera que, se a verba disponibilizada para reduzir impostos em 2018 forem 200 milhões de euros, “não tem impacto”. Reversão da reforma de Gaspar custaria dez vezes mais.

  • Partido diz que o aumento do ISP para compensar a baixa do IVA afinal não foi neutral: Finanças encaixaram mais 248 milhões de euros à custa das famílias e das empresas.

  • A entrega do IRS começou a 1 de Abril para todas as categorias de rendimento. Já foram liquidadas 5000 declarações.