Entrevista

Crise climática: “O futuro vai ser extremamente difícil para a minha filha e isso deixa-me furioso”

Uma semana de cobertura intensiva sobre alterações climáticas. É esse o desafio do projecto Covering Climate Now, que nasceu nos EUA e junta 250 meios de comunicação social de todo o mundo. O PÚBLICO junta-se à iniciativa.

,Quente: vivendo os próximos cinquenta anos na Terra
Foto
Mark Herstgaard, fundador do projecto Covering Climate Now, com a filha Chiara em 2011 DR

Mark Hertsgaard escreve há mais de 30 anos sobre ambiente e os efeitos das alterações climáticas para publicações como a New Yorker, Time, Vanity Fair ou The Atlantic. Na década de 90, visitou 16 países em busca dos efeitos do aquecimento global, um trabalho reunido no livro Odisseia Terrestre: À volta do Mundo em busca do futuro ambiental (1998), onde alertava para a necessidade de um “Global Green Deal” (Acordo Verde Global) nos EUA. Uma proposta muito próxima do “Green New Deal” (Novo Acordo Verde), resolução apresentada este ano pela congressista Alexandria Ocasio-Cortez e o senador Ed Markey e que colocou a crise climática na agenda política dos EUA, o segundo maior emissor mundial de CO2 que está, actualmente, em ruptura com o Acordo de Paris, pela mão de Donald Trump. “Há 20 anos as pessoas não estavam prontas para essa ideia. Agora estão”, diz ao PÚBLICO.