João Félix apresentado em Madrid: “Gostava de encontrar o Benfica na Champions”

Jogador de 19 anos é a quarta contratação mais cara da história. Félix elogiou forma como foi recebido na capital espanhola, deixando um “agradecimento especial” a Bruno Lage.

João Félix, o novo reforço do Atlético de Madrid, foi apresentado como jogador do emblema espanhol esta segunda-feira. Vendido por 126 milhões de euros, o avançado que na época passada representou o Benfica disse estar muito feliz com a transferência, garantindo que os novos companheiros de equipa facilitaram o processo de integração nos “colchoneros”.

“Receberam-me muito bem, acolheram-me da melhor maneira. Integraram-me logo no grupo, algo que nos deixa mais confiantes”, afirmou perante uma plateia que contava com nomes como Jorge Mendes, agente de João Félix, e Paulo Futre, antigo jogador do Atlético de Madrid.

O avançado não escondeu que gostaria de regressar ao Estádio da Luz, desta vez como adversário. “Gostava de encontrar [o Benfica], se passássemos os dois gostava. Quero voltar a casa, sentir o carinho dos adeptos que foram muito especiais para mim, que me deram a possibilidade de estar aqui”, atestou o jovem, deixando um agradecimento especial ao antigo treinador Bruno Lage, que, segundo Félix, foi “muito especial”. Admitindo que deixar a família e amigos em Portugal não está a ser fácil, garante que a força dos entes queridos irá colmatar as saudades: “Foi difícil deixar as pessoas, a minha casa, não é fácil sair de Portugal, mas todos me desejaram muita sorte e vão estar sempre a torcer por mim e eu a torcer por eles.”

Ainda antes de o internacional português responder às perguntas dos jornalistas, Enrique Cerezo, presidente do Atlético de Madrid, mostrou-se feliz por o jovem ter escolhido a proposta do clube espanhol, esperando que, tal como outros portugueses que já alinharam pelos “colchoneros”, João Félix também deixe a sua marca: “A palavra que define melhor o João é talento. Com 19 anos, terá uma grande carreira e estamos muito felizes que tenhas escolhido o nosso clube. No Benfica, ajudou a equipa a conquistar o título nacional e é já internacional absoluto, numa selecção tão importante como a portuguesa. Tens tudo para triunfar, tens todo o nosso apoio e dos nossos adeptos. Mais uma vez, bem-vindo ao Atlético de Madrid. Esperamos que também sejas história no Atlético de Madrid.”

Também Paulo Futre, antigo jogador do Atlético de Madrid, acredita que o jogador será bem-sucedido na primeira incursão internacional. “Vi durante dois meses que o ‘menino de ouro’ ia para o Real, para o PSG, para o Manchester. Quando soube que vinha para aqui, foi uma felicidade incrível. Fico muito contente como ‘colchonero’, como português, porque tem tudo para triunfar. Tem o talento, tem o carácter. Ele foi muito importante para o título do Benfica, campeonato em que o FC Porto esteve com sete pontos de vantagem. Foi internacional titular e acho que o João está preparado para esta luta”, afirmou o histórico da formação espanhola.

João Félix foi vendido ao Atlético de Madrid por 126 milhões de euros, a quarta transferência mais cara de sempre e a maior a envolver um futebolista português. Estreou-se na equipa principal dos “encarnados” em Agosto de 2018, frente ao Boavista. Foi assumindo protagonismo na equipa da Luz, mas apenas atingiu o papel de titular indiscutível na formação orientada por Bruno Lage, treinador que substituiu Rui Vitória a meio da época. Foi utilizado por 43 vezes em 2018-19, assinando 20 golos, muitas vezes em jogos cruciais para a conquista do título nacional. Envergará a “camisola 7” no novo clube, número que pertencia ao francês Antoine Griezmann que deverá ser oficializado como reforço do Barcelona nos próximos dias.