Torne-se perito

Reino Unido avança com legislação para ter zero emissões de CO2 até 2050

“Ficar parado não é uma opção”, disse Theresa May sobre a proposta que chega esta quarta-feira ao Parlamento.

Foto
Theresa May Reuters

A primeira-ministra britânica, Theresa May, anunciou nesta quarta-feira nova legislação para tornar o Reino Unido neutro em termos de emissões de dióxido de carbono (CO2) até 2050. É o primeiro país do G7 a traçar essa meta.

A proposta será submetida ao Parlamento até ao final do dia e representa uma alteração à Lei sobre as Alterações Climáticas de 2008 para intensificar o esforço do país para reduzir drasticamente as emissões de CO2.

“Ficar parado não é uma opção. Atingir a neutralidade carbónica até 2050 é uma meta ambiciosa, mas é crucial atingi-la para garantir a protecção do nosso planeta para as gerações futuras”, disse May num comunicado.

A Comissão para as Alterações Climáticas britânica publicou um relatório a 2 de Maio que incentivava o Governo a tomar medidas rápidas para alcançar a neutralidade carbónica antes de 2050, as quais estimou que possam custar por ano 1 a 2% do Produto Interno Bruto (PIB).

O Reino Unido foi o primeiro país a aprovar, no Parlamento, a declaração não vinculativa de uma "emergência ambiental e climática" por proposta do partido Trabalhista no sentido acelerar as medidas para reduzir emissões poluentes e proteger a biodiversidade.

Sugerir correcção