Vem aí a “maior limpeza de praias de sempre” do Porto

A data está marcada: 8 de Junho é dia de limpezas nas praias do Porto. A iniciativa, organizada pelo Sea Life, vai dedicar-se a limpar quase três quilómetros de costa.

Foto
A última limpeza de praia aconteceu em Outubro de 2018 e foram recolhidos 280 quilos de lixo. DR/Sea Life Porto

Da Praia das Pastoras à Praia do Castelo do Queijo, o objectivo é recolher todo e qualquer lixo que ainda existe – e persiste. “Ou porque vem dos oceanos, pelas correntes, ou porque as pessoas deitam o lixo para o chão, ou porque a limpeza das praias é feita com menos frequência, o facto é que o lixo aparece”, alerta Rui Ferreira, director-geral do Sea Life. A 8 de Junho, todos os caminhos vão dar à costa da Invicta – e há 2,7 quilómetros para percorrer, com ponto de encontro da Praia do Molhe, às 10h30.

À espera de mil voluntários – a meta que seria “um número recorde” –, Rui Ferreira apela às pessoas que queiram participar para se inscreverem no formulário disponibilizado na página do aquário, uma vez que a organização precisa de “ter um número real de quantas pessoas vão estar presentes”. “Isso ajuda-nos a calcular os recursos que têm que estar alocados”, explica.

PÚBLICO -
Foto
A última limpeza de praia organizada pelo SEA LIFE reuniu mais de 300 voluntários. DR/SEA LIFE PORTO

Para quem quer ajudar, há algumas recomendações: “trazer calçado confortável, roupa descontraída, um chapéu para proteger do sol e água”. Mas, acima de tudo, o importante é trazer “boa vontade” e “um espírito divertido”. “Pretendemos que isto seja a maior limpeza de praia de sempre na cidade do Porto”, avança Ferreira.

As expectativas pendem para o lado do optimismo. “Acho que a população em geral também está mais sensível ao tema”, admite, sublinhando que a sustentabilidade ambiental é um tema na ribalta e o “impacto do plástico nas praias” traz a “necessidade de agirmos”. “Queremos ser parte activa numa geração que se preocupa mais com os oceanos e com o ambiente”, garante.

A limpeza de praia está inserida no âmbito das Semanas de Sustentabilidade e Conservação do Sea Life, totalmente dedicadas ao ambiente, que decorrem até 9 de Junho, e vem também celebrar o décimo aniversário do aquário portuense.

PÚBLICO -
Foto
Chama-se plogging e vem do jogging (corrida) e do plocka upp (apanhar). Junta a recolha de lixo à medida que praticamos exercício físico. SEA LIFE Porto

Do programa fazem ainda parte a exposição “Mar de Plástico”, elaborada em conjunto com o CIIMAR, que pode ser visitada até 30 de Maio, a palestra “As Cores que Protegem os Nossos Oceanos”, que decorre diariamente das 12h30 às 17h e mais uma actividade de plogging – “uma corrida em que os participantes apanham o lixo com o qual se cruzam durante o percurso” – a começar na marginal do rio Douro, em Gondomar, este sábado, 18 de Maio, às 10h30.

O Sea Life conta com o apoio da Câmara Municipal do Porto, do Porto Protocol e da APDL – Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo.

Texto editado por Luís J. Santos